Wednesday, 31 March 2010

É nestas alturas...



...que me questiono "onde estava eu com a cabeça quando me lembrei de encher o closet até ao tecto?" É que quem tem de arrumar tudo depois é aqui a Menina dos Óculos! BOOOOORIIIIIING.........

kiss,

A Menina dos Óculos


quem detesta arrumar o quarto?!

Já aqui tinha dito antes que não sou uma fada do lar. Sei fazer tudinho, mas não tiro grande prazer em fazer arrumações, em perder horas a dobrar a roupa de Inverno, em organizar as bolsas e as sapateiras... Eu sei que deveria gostar, mas não gosto! Que hei-de fazer? Quando tiver o meu closet estilo SJP no Sex and the City, aí sim, talvez venha a gostar!:P

Today is the day! Wish me luck!

Kiss girls,

A Menina dos Óculos

Some kind of wonderful

It's raining cats and dogs! Eu estou na cama, de pijama, quentinha, com as cadelas (Nina Maria e Lunika) sempre por perto e a ressonar como se não houvesse amanhã. A minha sessão de lipo não-invasiva era hoje, mas desmarquei e marquei para a próxima semana, porque já estava atrasada para ir e o tempo, honestamente, não está nada convidativo.

Mudando de assunto drasticamente, dei por mim, há pouco, a fazer um balanço da minha vida neste momento. Sinto-me tão feliz com o que consegui até ao momento, na minha vida. Sinto-me grata pelas amizades fortes que construí, grata pelas pessoas fantásticas que me rodeiam, grata pelas oportunidades no mundo de trabalho e desafios que surgiram na minha vida, e que consegui superar, com força, dignidade e mérito. Sinto que, neste momento, nada poderia ser mais perfeito, pois estou a concretizar todos os sonhos que idealizei quando ainda era uma menininha pequena.

Posso dizer que era uma menina diferente do que seria de esperar. Sempre fui a menina mais feminina do grupinho de amigos e das turmas em que estive. Inicialmente, quando ainda estava no Jardim de Infância (era um colégio privado horroroso que, supostamente, só era frequentado pela "elite" da cidade. O meu pai achava que a educação se prendia com frequentar os melhores colégios privados, i.e.,os mais caros). A minha mãe, ao contrário, defendia que uma boa educação consistia em conviver com todo o tipo de pessoas, de todas as cores, estatutos sociais e religiões, e saber lidar com isso, aprender com essa relação. No final dos anos de Jardim de Infãncia, onde nunca fui feliz, porque eu não era a típica menina normal, fui para a escola pública. A minha mãe tinha fincado o pé cá em casa e venceu a batalha contra os ideais conservadores do meu pai.

Provavelmente, estão a perguntar-se porque é que eu não era uma menina igual às outras, certo?! É simples, era super feminina, já adorava roupa, vestia-me sempre como uma princesa (a minha madrinha é, provavelmente, a melhor modista da cidade, e desde pequena, segui, sem saber, as tendências à risca), mas ao mesmo tempo era criativa e não me dava muito bem com as meninas. Achava-as totós e não entendia por que raios elas só queriam brincar com bonecas o dia todo (eu também brincava com bonecas, mas gostava de diversificar as brincadeiras), quando havia colagens para fazer, puzzles para resolver, jogos de cubos para fazer, livros para ver (costumava ficar horas na biblioteca do infantário, sozinha, a olhar para as imagens dos livros, cujas imagens já tinha memorizado há meses, e a 'fazer força' mentalmente para conseguir ler as palavras. Eu acreditava que ler era uma questão de fazer força mental - coitadinha de mim, achava sempre que não me estava a esforçar o suficiente, porque as letras não se juntavam e eu não conseguia ler o que lá estava, então, fazia ainda mais força)... Assim, só muito raramente brincava com as meninas. Não nos entendíamos. O meu melhor amigo era um menino, que ainda hoje passa por mim na rua, mas não se lembra de mim. Era engraçado, porque me punham de castigo várias vezes (sem ter feito nada que merecesse castigo) e ele aprontava sempre alguma, propositadamente, para poder ir para  o castigo comigo, e não me deixar sozinha. Era um querido, um amigo  à séria. No geral, eu era a menina de vestidinho, sapatinho de verniz e bolsa, que brincava com os meninos. Isto está, provavelmente, relacionado com o facto de, na altura, passar imenso tempo com o meu avô (que saudades dele...) e com o meu irmão mais velho. Com eles, as brincadeiras eram sempre variadas e envolviam jogos, livros, teatro de fantoches e puzzles.  Isto não era lá muito bem visto, como podem entender. A educadora devia achar que eu era um "ser estranho" e não perspectivava a minha diferença e necessidade de ser expansiva e libertar a minha criatividade, com bons olhos.

No ano seguinte, fui para a escola primária pública, ainda com 5 anos. Foi com esta idade que conheci a minha melhor amiga, a minha alma gémea no feminino. A ela, faço aqui uma grande homenagem, por todos estes anos juntas, por todo o companheirismo e por me ter ensinado que podemos ser diferentes e, mesmo assim, felizes. E juntas, somos muito felizes. Gargalhamos, sorrimos e, mesmo quando choramos, custa menos chorar com ela, que chorar sozinha. Tem sido o meu alicerce desde os 5 anos e é a irmã que nunca tive. Quando penso em todos os momentos em que nos apoiámos, em tudo pelo que passámos juntas, é impossível não sorrir. Para ti, já sabes que és o amor da minha vida no feminino. Adoro-te! Algum dia tinha de ficar aqui o registo - é impossível falar de mim, sem falar de ti.

Foi também nessa altura que conheci uma pessoa que reencontraria anos mais tarde, e que se tornaria uma influência importantíssima na minha vida. Falo-vos da Cat, que é presença regular e habitual aqui no blogue. Ela era a menina mais esperta da turma da primária e a minha companheira de carteira. Era fabulosa, já na altura. Eu achava que ela era muito adulta, de tal forma era sensata. Continua igual, actualmente, nesse ponto. É o meu chão firme, o meu porto seguro. Obrigada por tudo. Sabes que tens sido importante na minha vida e que o teu apoio tem imenso valor para mim. Quando és tu que dizes as coisas, eu sei que são verdade. Mesmo que me digas que amanhã vai cair sugus do céu, se fores tu a dizer, eu vou saber que é verdade e acreditar!

No geral, foram estas algumas das relações de amizade, criadas na minha infância, que mais marcaram.

Tinha muitos sonhos quando era pequeninha. Era a miúda mais sonhadora que possam imaginar. Lembro-me de ser muito vaidosa e de ficar horas e horas a olhar para o espelho, porque sonhava ser muito bonita quando crescesse. Achava que as pessoas mudavam muito quando cresciam, em termos faciais. Para meu azar (ou sorte), fiquei igualzinha ao que era na altura. Os meus traços, já na altura muito fortes, ângulo gónico recto, olhos grandes e escuros e boca enorme e expressiva quando sorrio, permanecem os mesmos, hoje. De qualquer forma, perdoem-me a falta de modéstia (mas não sei ser mentirosa), sinto-me satisfeita com os resultados. Não me queixo. Só gostava de ser mais alta e mudava um ou outro detalhezinho no meu nariz.

Com 8 anos, já tinha mais quatro sonhos, além desse: ser professora de Português e Inglês (por influência do meu irmão, comecei a falar Inglês muito cedo), ser escritora, encontrar o meu princípe encantado e, admito, ter um closet de sonho. Já sei que estão a pensar que, para menina de 8 anos, já não pedia pouco. Quando analiso os meus sonhos de então, chego à conclusão que a vida tem sido generosa comigo. Sou professora e bem sucedida, não me considero feia, tenho um closet de que me orgulho (embora ainda não seja o meu closet de sonho, porque todas as semanas se completa mais um bocadinho), encontrei o meu príncipe encantado (neste momento acredito mesmo que sim, e isso é o mais importante), não sou escritora, mas pelo menos, publico os meus textos, o que já me deixa realizada.

Desconheço o que o futuro me reserva, mas sinto-me grata pelo que me trouxe até agora!:)

A todos os amigos que me influenciaram na infância (mesmo os que já não fazem parte da minha vida, mas, principalmente, aos que continuam comigo até hoje), deixo uma música, toda toda para vocês! Thanks u guys! LOVE!


Michael Buble, Some kind of wonderful

Beijinhos, BB


A Menina dos Óculos

Tuesday, 30 March 2010

A Menina dos Óculos e o Diplomata: uma história de Paixão Incontrolável


A PROVA DO CRIME! ASSUMO TOTALMENTE, sou eu...
Castigo: 30 minutos de corrida?! - DONE!:P

Beijinhos grandes BB,

A Menina dos Óculos



Monday, 29 March 2010

at Bubbly's

Bem, pelos vistos, segundo foto que me enviaram hoje, a Bubbly já tem um restaurante/espumanteria e ninguém a avisava... TSSS... TSSS... falhanço gravíssimo! Confirmem com os vossos próprios olhos!

É um restaurante em Lisboa onde servem tudo com champagne.

Agradecimentos: Cat, pela cedência da imagem.:P


Beijinhos grandes e boa noite,

A Menina dos Óculos

Parabéns!


Quero dar os parabéns aos meus amigos B. e M. que vão casar. Estou feliz feliz feliz feliz por eles! Aiiiii, que emoção! Este meu coraçãozinho romântico não aguenta muitos baques destes! :) PARABÉNS!

Beijinhos grandes p'ós dois,

A Menina dos Óculos

Butterflies in our stomach


(the fab) Diana Krall, 'Love me like a man' 


No início das relações, quando estamos com a outra pessoa, ou quando recebemos uma mensagem dela, ficamos sempre com aquela sensação de dor de barriga, e damos por nós, frequentemente, a sorrir sozinhas para o telemóvel quando recebemos uma mensagem da pessoa em questão. A crónica de hoje é, sobretudo, acerca disso.

Como cheguei a comentar no blogue, tive algumas amigas a terminar relações recentemente. Algumas, estão agora na fase de conhecer pessoas novas e ver no que dá. Duas em particular, superaram o final da relação muito bem, facto que me deixa orgulhosa, porque me prova que as minhas amigas são MULHERES fortes e determinadas e não umas coitadinhas dependentes, que não olham em frente, muito pelo contrário, pois continuam a perpectivar o futuro com o optimismo que se deseja. Revelaram a atitude que eu também adoptei no passado, em situações semelhantes: choro tudo naqueles dias, adapto-me à situação no mês seguinte, mas depois 'bola p'a frente!', que o mundo não acabou, só mudou um bocadinho, mas com certeza para melhor.

Após a superação da relação passada e, já na fase em que a auto-estima está a tocar no tecto de novo, uma dessas amigas está empenhada agora em dar-se a oportunidade de conhecer melhor as pessoas que convivem com ela, mas que ainda não conhecia, de facto, e as pessoas com que trabalha, inclusivamente as pessoas do sexo masculino, que ela não gosta de discriminação sexual! (lol)

Uma dessas pessoas revelou-se uma agradável surpresa! Tcharaaaam! Pode não dar em nada, mas estão a tornar-se 'compinchas' e a sensação de 'butterflies in the stomach' já está a aparecer! Adoro estes primeiros tempos das relações, que ainda são só relações de amizade e, podem não passar disso no futuro, mas ainda há aquela duvidazinha inicial, que considero saudável e que nos deixa ansiosas.

Eu já estou numa relação estável e saudável há mais de um ano e o meu boyfriend ainda me deixa com dor de barriga às vezes, quando me prepara surpresas (é verdade, prepara muitas; sou uma sortuda!), ou quando estamos uns dias sem nos ver (o que acontece todas as semanas) e eu me preparo como se fosse para o nosso first date. Nesses dias, fico ansiosa para saber se ele vai gostar da selecção do outfit, da maquilhagem, se me vai achar bonita, se vai gostar de estar comigo aquele dia, ou do tempo que vamos passar juntos...

Gosto da sensação, porque me faz sentir que estou a cumprir o compromisso que fiz comigo mesma há cerca de dois anos atrás e que me empenho em levar a sério: "A partir do dia hoje, só vou estar numa relação, enquanto acordar todos os dias e tiver a certeza de que 'este é o homem da minha vida', 'não poderia fazer-me mais feliz'!"

Esse é o meu desafio para todos os meus Bubbly Buddies (homens e mulheres): Reflectirem sobre esta questão e, lá no fundo, não se contentarem NUNCA com alguém que não vos faz totalmente felizes! Mesmo quando parece que a pessoa certa ou não existe, ou deve ser um monge Tibetano, porque já temos quase 30 anos e dela nem sinal, eu sou o exemplo vivo de que há sempre alguém para nós. Pode não ser a pessoa perfeita, mas se for a pessoa perfeita para nós, já está 'p'ra lá de bom'!:D

Tenham um início de semana deslumbrante! Eu hoje vou dar só uma aulinha de 45 minutos no infantário e depois venho para casa relaxar, que hoje está a chover. O único lado positivo é que vou poder usar wellies! Tenho várias, mas hoje vou optar pelas da Burberry, que aconselho para quem gosta, são as mais confortáveis que tenho e o pé fica quentinho o dia todo (quem as conseguir apanhar em promoção ou saldos na net, aproveite!). beijinhos enormes para vocês todos! LOVE,

A Menina dos Óculos 


P.S.: Homens Genuinamente Apaixonados de Portugal, comprem hoje o 24 Horas, se quiserem aprender uns truques com a Menina dos Óculos.:D:

Sunday, 28 March 2010

News from Vigo

Hi BB! How's your sunday?!

Quanto a mim, podem ficar descansadinhas, que não cometi nenhum loucura em Vigo, até porque quando chegámos lá, já era tarde e tivemos uma grande surpresa, que me desviou a atenção das lojas.

Quanto a compras, resumiram-se a uns boyfriend shorts e a uns flats de padrão floral e inspiração vintage, tudo da H&M. Além disso, fiquei com uma bolsa rosa velho da Bimba & Lola, de design inspirado na  mítica Chanel 2.55, encravadinha, mas quando voltámos para trás, a loja já estava fechada - fica para a próxima visita a Vigo. Comprei também um colar, quando nos distraímos e desviámos da zona de lojas, dirigindo-nos para uma feira medieval. Já na dita feira, apaixonei-me por esse colar, muito simples, mas com umas cores que apelaram aos meus sentidos.

Bubbly Buddies, tenho a dizer que aquilo mais parecia as Feiras Novas, tal era o número de pessoas e a disponibilidade das pessoas para consumir bebidas alcoólicas. As únicas diferenças consistiram no facto de as pessoas estarem a usar trajes medievais e de a festa ter acabado por volta das 23 horas (hora de Espanha). Ainda houve tempo para o meu namorado encontrar por lá um amigo que nos deu umas dicas preciosas para a noite. Lá fomos nós, noite de Espanha. Tirando o facto de, segundo o meu boyfriend, 90% das pessoas de lá poderem beneficiar imenso da contratação de uma fashion adviser e de um personal trainer, divertimo-nos imenso. ´

Ah! Quase me esquecia, durante a minha incursão nas lojas, recebi uma mensagem que me deixou radiante, a avisar que, ainda no mês de Abril, as minhas Classic Tall Grey UGG Australia Boots vão chegar. No caso, já estava desde Dezembro à procura das cinzentas, mas o modelo que eu queria não havia em cinza no El Corte, pelo que fiquei à espera que uma amiga minha mas trouxesse de Londres, uma vez que ela agora mora lá. Em Abril, chegam as minhas meninas...:D Já não vai estar muito frio, não, mas as UGG não são botas de estação (embora não considere usá-las no Verão). Fica, já agora, o agradecimento à minha amiga Vânia.:) Brigaaaadaaaaa!!

Deixo-vos com os fotos da black DKNY shopper que comprei durante a semana, das UGG e das compras de Vigo. Não coloco as restantes fotos das compras das últimas semanas, porque não tarda, o meu blogue passa a ser só publicitário.:) Deixo-vos estas dicas de compras e asseguro o compromisso de vos manter informadas de algumas das minhas bubbly shopping sessions. Parece-vos bem?:)

Ah! Uma dica de última hora que me lembrei agora, podem encontrar aqueles relógios dourados Casio ou Timex, de inspiração Retro, muito acessíveis (cerca de 9 libras, sem portes) no UK EBay. Andei a pesquisar, entretanto, (e pus o meu boyfriend a ajudar-me na tarefa, não fosse escapar algum negócio à Menina dos Óculos, até porque quero um, mas não quero pagar mais que 25euros por ele) e é onde se encontra preços mais em conta.:P Quem é amiga, quem é??!?!?

Fiquem com uma música que também faz parte da banda sonora da minha vida, como muitas outras. Porém, esta é daquelas que tem sido constante e que pode facilmente ser associada a mim, de tão bubbly que são a melodia e a voz da Regina Spektor!


Beijinhos muita muita grandes para todos,


A Menina dos Óculos 

Saturday, 27 March 2010

fim-de-semana e férias...

Hello everybody!

O fim-de-semana e as tão aguardadas férias da Páscoa chegaram!:D

Hoje vou tirar o dia com o meu boyfriend para ir a Vigo, passear, ir ao outlet de TUI (a Burberry e a Watch estão lá à minha espera), quem sabe fazer umas comprinhas?! De qualquer forma, não posso abusar, porque fiz ontem umas compras online e se não tenho cuidado, este mês não poupo nem um cêntimo, o que não convém nadinha, porque sim, eu gasto algum dinheiro, mas há que poupar também... Ainda não perdi o juízo todo!:)

Logo à noite, devemos ficar por terras de nuestros hermanos, dançar a noite toda (quer dizer, EU vou dançar, porque o meu menino diz que só dança quando o estado de embriaguez é tal, que já não lhe sobra uma réstia de discernimento para amostra).

Vou sair agora de casa, mas antes, dedico uma música a todos os meus Bubbly Pals. "Dance with me!......" - Nouvelle Vague, um dos meus personal favs!


Beijinhos enormes! Have fun and dance as if there was no tomorrow!


A Menina dos Óculos


Thursday, 25 March 2010

As teorias do meu namorado (1)

"Já não é de hoje que reparo que quando fazes exercício físico, ficas mais agressiva!"



O que será que lhe deu hoje para passar o dia a dizer que estou agressiva?! Ainda por cima, desenvolveu a teoria de que fico agressiva, não só quando pratico exercício, mas também quando bebo um copito de álcool (como não estou habituada a beber, sou uma moça fraquita nessa área - meio copo de Alvarinho e a Menina dos Óculos faz a festa, dá o show, atira os foguetes, apanha-os e isto tudo, sem se calar um instantinho)!

Tretas, é o que é! A Menina dos Óculos é um docinho; é lá agressiva! Nada disso!

Beijinhos e tenham uma óptima noite, Bubbly Buddies!


A Menina dos Óculos


P.S.: Não, o meu namorado não sofre de violência doméstica!:D

Comentário

...do meu namorado à minha crónica do 24 Horas de hoje:


"Gostei da crónica de hoje, mas é impressão minha, ou estavas muito agressiva, quando a escreveste?!"


Um dia destes fico sem namorado, não vá o homem ficar com medo que lhe apareça à frente de moca na mão e osso a prender o cabelo na nuca, bem ao estilo dos Flinstones!


Beijinhos,

A Menina dos Óculos

Wednesday, 24 March 2010

Notícias

Tenho imensas notícias hoje! Comprovem por vocês mesmos! Em primeiro lugar, já tenho o iphone 4G reservado para mim, mal chegue às lojas, com a vantagem de que vou conseguir 10% de desconto na compra (coisas do meu namorado mai' lindo, que consegue estes negócios de luxo para a sua princesa)! Ahhh! O meu dia hoje começou bem, como podem ver...

Além disso, temos o gym update. Hoje de manhã, eu e a minha amiga fomos ao ginásio cedinho (aquilo estava vazio quando lá chegámos), só para fazer um bocadinho de cardio (não fosse o meu PTzinho depois mandar vir, a dizer que não ando a fazer pelo corpinho) e depois... SPA! Eu mereço, nós merecemos! Ontem à noite fiquei acordada até às 3 da manhã a preparar fichas e fichotas para os meus alunos e a deixar já escrita a próxima crónica do 24 Horas (que sai na quinta-feira, já agora). Vêem como a Menina dos Óculos é uma Carochinha?:D (Só me falta mesmo é a aptidão para as lides domésticas. Sei fazer de tudo, agora gostar, já é um assunto completamente diferente...)

Em terceiro lugar, uma coisa que não tenho feito, é o update de compras e comprinhas... Prometo que, não tarda, trato disso. Posso destacar, porém, uns Oxford Melissa Joy, dois Swatch, os dois Rouge Coco, máscara de pestanas Inimitable, Chanel, um lápis khol, também Chanel e mais 4 pares de knee socks (estes são os produtos que aconselho vivamente, daqueles que me recordo de momento). Este mês o meu consumismo está a atingir nível record, porque estou aí com um montão de coisas que me anda a deixar doida e não vou conseguir adiar essas comprinhas. Falo, entre outras coisas, do bucket bag da Burberry (é uma vergonha, bem sei, ainda não o ter), mais um ou dois relógios da CK e dois pares de boyfriend jeans da M60 que ando a adiar desde o mês de Fevereiro, porque há que poupar uns trocos. A ver vamos, eu ponho-vos ao corrente da situação, entretanto. Já agora, se houver por aí uma alma caridosa desejosa de patrocinar os meus caprichos fúteis (e, já agora, os das minhas Bubbly Buddies, porque a Menina dos Óculos não é egoísta), aceita-se propostas, sim?!:D

Dedico, desde já, esta música ao potencial benfeitor, como forma antecipada de agradecimento! (eheh)


Beijocas grandes,

A Menina dos Óculos

Tuesday, 23 March 2010

um post muito, mas muito infantil (porque eu também mereço)


"Miiiiiiiiss, a Fabiana 'tá-me a imitar.'Tá a pintar o desenho como o meu."

Desde pequeninhos que nos enerva e "faz uma certa espécie" que as pessoas nos imitem. Pessoalmente, já perdi a conta à quantidade de vezes que os meus pimpolhos dos Infantários me disseram a frase que dá o mote para este texto. Esta mania de "imitar" o que os outros fazem, a mim, enerva-me assim um bocadinho grande. Não, não estou a falar de imitarem o meu blogue, porque isso seria um exagero (embora já tenha acontecido haver posts de conhecidos com um ou outro assunto e algumas ideias iguaizinhos aos que aqui coloquei) até porque o meu blogue ainda é um bebé e, praticamente, anónimo e desconhecido para a grande maioria dos bloggers.

Quando me refiro a imitarem o que faço (e digo-o sem um "tom convencido", porque nem sequer entendo o que raios possa ter de tão especial, que dê vontade às outras pessoas de quererem fazer as mesmas coisas que eu e dar aquele jeitinho que é tão meu, àquilo que fazem), falo em imitar aquelas coisas pequeninhas que faço, aquelas coisas que me tornam mais "eu", são detalhes que qualquer pessoa que me conheça minimamente, identificaria como sendo "coisa minha". Isso sim, enerva-me à séria. De repente, se alguém (sem antecedentes comuns comigo nessas áreas) começa a fazer algo exactamente como eu faço, com detalhes que considero "meus" (sim, suponho que seja possessiva, quando se toca na minha especificidade, naquilo que considero serem características individuais da minha personalidade, que me fazem agir desta, ou daquela forma nitidamente "minha"), repetidamente, constantemente, fico fula. Pois claro que fico fula, embora isso não seja comum numa pessoa bubbly como eu.

Eu sei que é infantil dizer: "X anda a imitar o que eu faço, MUITAS, MUITAS VEZES", mas sendo eu uma pessoa que assume a sua infantilidade com frontalidade e que considera que mais infantil ainda, e prejudicial à sanidade mental, é a vontade de imitar outra pessoa, o que denota insegurança e falta de auto-estima, digo sem qualquer pudor e apontando o dedo na direcção do/a culpado/a: "Mais infantil que eu, és tu, que me andas a imitar à descarada!" :P:P

Beijocas grandalhonas para todos os meus Bubbly Buddies,

A Menina dos Óculos 

Retiro tudo o que disse!

Estou toda rota, só que quando acordei ainda não dava para notar! Tenho dores de braços, de pernas, de abs, de biceps, triceps, bumbum, peito, ombros! E sim, estou a preparar-me, neste preciso momento, para nova dose!

A parte do "retiro tudo o que disse", exclui a parte do Rouge Coco! Comprei só dois, por enquanto, os clássicos: Gabrielle (o tom de vermelho que associo mais à Chanel) e Mademoiselle (um tom em rosa escuro, muito bonito e que aconselho a quem gostar de um look elegante para o dia-a-dia).

Beijocas e... wish me luck!:D

A Menina dos Óculos

Ponto da situação


Estou com dores corporais, mas nada do outro mundo. Acho que afinal até estava em melhor forma física do que pensava. Os exercícios de lounge e agachamentos é que arrebentam comigo. De resto, portei-me bem na passadeira e no cross trainer. Acho que passei no teste, mas logo há mais.

Outra coisinha, minha boa gente, hoje sai mais uma crónica da Menina dos Óculos no 24 Horas, subordinada ao tema "Paixão ou Conformismo", que é um assunto com o qual todas as pessoas que têm uma relação estável, se debatem.

Gotta go, que chegou o Rouge Coco à perfumaria maior da cidade. Ligaram agora mesmo e tenho de ir buscar o(s) meu(s). Segundo uma colega aqui do blogue, já tinham chegado à Sephora, por isso toca a experimentar.:D

Beijinhos grandes,

A Menina dos Óculos

turns out, i'm a vip... (part 3)



No seguimento das partes 1 e 2, deixo-vos a descrição minuciosa de mais um dos "Grupos-De-Espécimes-Que-Não-Vão-Às-Compras-Com-A-Menina-Dos-Óculos" e, para não variar muito, deixo-vos também com uma musiquinha do JKay (mais uma fabulosa dele - "Seven Days in Sunny June") para tornar o post mais bubbly. Haja alegria!

Grupo Número 2: "Grupo-De-Mulheres-Que-Acha-A-Menina-Dos-Óculos-Extrema-Excessiva-E-Ridiculamente-Fútil"

Pois muito bem! Adoro este grupo, apesar de não me fazer grande mossa! Aliás, é até daqueles mais divertidos e com o qual já tive alguns momentos mais turbulentos, digo, hilariantes.

Estas são as "amigas" que, sem mais nem menos, quando nos pomos a falar da Balenciaga que vimos e que queremos mesmo mesmo ter, se viram para nós com ar de enjoadas e dizem: "Oh pah, Menina dos Óculos, és mesmo fútil! Pareces uma adolescentezinha a babar pelas últimas All Star que saíram!" (ao que me apetecia dizer que eu ainda gosto de All Star e ainda as uso com boyfriend jeans e com algumas skinny).

É ou não é, de uma limitação imensa, achar que por gostar de algumas coisas que, sim, são fúteis, sou uma pessoa fútil e superficial?! Porque será que as pessoas e, principalmente, algumas das mulheres que não se interessam por estes assuntos (facto que respeito), não conseguem entender que para uma fashioholic (é assim que o meu namorado me classifica; eu achei graça ao termo e decidi passar a usá-lo)a moda é uma forma de arte?! Não se trata apenas de aparência, trata-se da procura pelo belo sim, mas se pensarmos nisto de uma forma mais aprofundada, a verdade é que, quando nos sentimos bem por fora, estamos muito bem por dentro, geralmente. Além disso, óbvio que esse não é o único tema por que me interesso, embora admita que, sim, me cuido e gosto de estar informada. Qual o problema?!

Se este blogue não fosse meu, quase (quase mesmo) ousava cometer a loucura impensada de comentar que este grupo deveria chamar-se antes "Grupo-Das-Mulheres-Muito-Invejosas-Que-Lá-Porque-Não-São-Capazes-De-Distinguir-Clogs-de-Pumps-Acham-Que-Quem-Distingue-É-Fútil". Ai ai. Porém, sequer insinuar isso, seria muito duro e eu jamais faria isso a um grupo que está no meu top de grupos preferidos.

Por mim, íamos já dançar ao som do JKay, todas juntas: eu e elas! Raios, que sou tão importante que dói!;)

Beijinhos,

A Menina dos Óculos


Monday, 22 March 2010

back from the gym


Cheguei há uma hora do ginásio e cumpri religiosamente o programa de treino que o meu PTzinho tinha preparado para mim.

Jurei a mim mesma que nunca mais vou largar o ginásio, porque
  • a sensação de satisfação, quando se chega ao balneário no final do treino, é incomparavelmente agradável, apesar de me sentir cansada como o gatinho fofo da fotografia;
  • agora que estou a recomeçar após a pausa que fiz, custou muito mais;
  • já não podia ouvir o meu namorado a dizer que tenho de acrescentar uns quilinhos de massa muscular ao meu peso;
  • vou com a minha melhor amiga e dado que somos as duas super ocupadas, é uma oportunidade de estarmos juntas;
  • foi muito bom reencontrar o pessoal do ginásio;
  • é a única coisa que me ajuda a aliviar o stress.
Se estou a tentar motivar os meus Bubbly Buddies para irem/regressarem ao ginásio?! Sim, admito que esta é uma tentativa mal disfarçada de vos incentivar ao sofrimento voluntário nas máquinas, mas simultaneamente, à satisfação que os bons resultados trazem. Por isso, meus caros, para todos os que gostam de ficar no sofá a descansar, quando têm tempo livre, em vez de mexerem o bumbum, toca a fazer uma corridinha. (Pessoalmente, adoro correr. Quando jogava ténis, corria todos os dias de manhãzinha, para treinar a resistência, e penso que correr me traz as boas recordações dessa altura.)

beijinhos grandes,

A Menina dos Óculos

Sunday, 21 March 2010

Domingo


Hoje vai ser um domingo relaxado, afinal mereço! Estive até agora a tratar das avaliações das turmas e aquilo é tanta papelada que mete medo. Eu, ainda por cima, tenho um problema gravíssimo. Como tenho um horário preenchidíssimo, e tenho sempre imenso para fazer, como aulas para planear, material para seleccionar/fazer, avaliações para ponderar, não posso deixar nada atrasado, porque dado o meu carácter 'do mais stressadinho que há', entro em parafuso, se deixo um papelzinho por preencher, ou se deixo para fazer amanhã, o que não me apeteceu fazer hoje. Enfim, sou mesmo a pessoa mais stressada que conheço, mas admito que o meu ritmo de vida contribui muito para isso.

Porém, o esforço de ter acordado mais cedo hoje para preparar as aulas e as reuniões da próxima semana, bem como a crónica do 24 Horas para terça, foi recompensado, porque já terminei tudo o que tinha para fazer.:)

Ah! Tenho notícias: amanhã regresso ao ginásio, depois da pausa. A partir daí, vou todos os dias. Consegui convencer a minha melhor amiga a inscrever-se e a vir comigo. Melhor, não poderia pedir!

Tenham um domingo fantástico!

beijinhos grandes,

A Menina dos Óculos 

Saturday, 20 March 2010

Detesto tanto...

...quando estou à procura de uma coisa que me faz MEEESMO falta e não a consigo encontrar...

Friday, 19 March 2010

Happy Father's Day

Sabem qual é o cúmulo dos cúmulos?! Eu respondo: preparar com os meus alunos todos (que são muitos, acreditem) dezenas e dezenas de prendas para o dia do Pai e ainda não ter tido tempo para comprar a do meu próprio Pai.

Na realidade, ainda não sei bem o que lhe comprar. A única opção, por enquanto, é uma coisa de que ele gosta imenso e faz colecção: quebra-cabeças de nível difícil. Eu sei que parece muito infantil, mas o meu papá, tal como a filhota, também é muito bubbly!

Beijinhos,

A Menina dos Óculos


Thursday, 18 March 2010

Rouge Coco


Apresento-vos o novo bâton Chanel: Rouge Coco. Tem imensos tons giríssimos e, além disso, tem a qualidade (a nível de hidratação, acabamento e facilidade de utilização, mesmo nos vermelhos) a que a Chanel sempre nos habituou. A embalagem é, na minha opinião, a mais fabulosa de sempre. Para verem o nível de pormenor que o criador, Peter Philips, teve em consideração, quando comprarem, vão poder ver que, dentro da tampa, bem lá no fundo, está gravado o monograma da Chanel e foram, inclusivamente, feitos testes para escolher o click perfeito de fecho da tampa, após utilização.

O meu está reservado! Deve chegar dentro de semanas a Portugal!:P

Beijinhos très Chanel,

A Menina dos Óculos

and the award for "The cutest boyfriend of the year" goes to....

MY BOYFRIEND, of course!

Digam lá se vir do Porto a meio da semana para estar comigo das 23.30 às 2.00 (só:() e, ainda por cima, trazer uma surpresa para a princesa aqui, não é do mais fofinho que há!

Pois é, vejam lá a réplica de chocolate do Sr. Pantufas que o meu menino comprou para mim. Até estou comovida! O meu carrinho já tem estátua em chocolate, da HUSSEL! Deve ser porque também já é V.I.P.!



O problema é que não vou conseguir comê-la... Como de costume! A última vez que ele me fez uma surpresa do género, enviou-me um telegrama de chocolate (há cerca de um ano) e esse também ainda está dentro da caixinha, intacto, com as letrinhas todas.

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

Wednesday, 17 March 2010

Must have: Yes or no?!


Blueberry Drew Tote - Mulberry

Além das quatro handbags que estão na minha whislist para os próximos 4 meses, ando sempre a namorar outras por fora... É verdade! Assumo a minha total infidelidade, mas é mais forte que eu!

Esta Mulberry azul eléctrica, por exemplo, é de deixar qualquer mulher a babar... Só não entra para a minha whislist, para 5º lugar, porque já tenho uma bolsa azul eléctrica, que comprei no Inverno, antes de surgir o Boom do azul eléctrico. E daí, vamos ver...:P

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

E para quem quiser saber...

sai hoje mais uma crónica da Menina dos Óculos no 24 Horas!

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

Tuesday, 16 March 2010

knee socks addict


Uma vez que já aqui tinha falado em knee socks anteriormente e visto que sou uma super fã viciadíssima, resolvi deixar aqui uma sugestão de uso. De certa forma, estou também a aceder ao pedido de algumas bubbly buddies de colocar aqui fotos de possíveis outfits, no caso com as sobejamente famosas e super trendy 'knee socks'.

Eu uso-as praticamente com tudo: calções (de vários tipos), vestidos e saias acima do joelho (de balão ou mais justas), knee boots, ankle boots, sandals, pumps, peep toes, flats, high heels, and so on... Admito que ainda não experimentei com stilettos, porque neste momento esses estão, confesso, arrumados numa das sapateiras.

Ficam também a conhecer melhor a cara da Menina dos Óculos. Uso quase sempre óculos graduados ou de sol, uma vez que sou viciada neles (não é só nickname, é facto mesmo). Gosto de óculos de sol de quase todos os feitios e tamanhos (embora dê sempre preferência aos enormes, estilo diva de Hollywood) por isso, também aqui, apareço com eles. De qualquer forma, fui abençoada com o facto de ter uma cara larga e, para quem entende do assunto, estas são as melhores caras para quem gosta de óculos. Ficam-me quase todos bem, modéstia à parte.

Espero que gostem!

leather jacket - Massimo Dutti
shoulder bag - Adolfo Dominguez
plaid shorts and blue baggy sweater- given by mum
flats - Zara
blue knee socks - Calzedonia
brown tights - Calzedonia

Beijinhos,

A Menina dos Óculos



back to the gym...


Após um período de ausência no ginásio, decidi esta semana que está na altura de regressar. Por mais que não seja, porque vou começar a fazer aquelas sessões no Centro de Estética e sinto-me culpada por não estar a fazer mais pelo corpinho. Acredito que seja uma péssima filosofia: ficar sentadinha no sofá a comer Haagen Dazs, mas exercício físico, que faz bem e recomenda-se, nem vê-lo!

Além disso, já fui viciada em ginásio (tinha de ir todos os dias, porque senão parecia que o mundo ia desabar) e tenho saudades. Há cerca de um ano que não tenho ido, porque a minha vidinha agitada, é do mais stressante que há, e andava a sentir falta de relaxar. Porém, verdade seja dita, que a melhor forma de relaxar é mesmo deixar a preguiça de lado e viciar-me de novo!

Acho um piadão ao meu namorado, que me diz várias vezes que "comprou gato por lebre, já que quando nos conhecemos tínhamos também esse vício em comum". E tem razão! Eu até gostava de refutar, mas não tenho argumentos. Agora, só tenho de aproveitar que ele é PT e pedir-lhe um plano de treino e um plano alimentar suuuper personalizados (a ver se não me tira é muitos doces...)

Honestamente, só de pensar nos planos de treino que ele prepara para mim, até me dói a barriguinha. O último que me fez deixou-me uma semana e dois dias sem me poder mexer! - Não, não é exagero meu, foi mesmo assim! Por cada degrauzinho que subia, chamava-lhe nomes: "Aquele palerma! Vem sempre com os 'Faz só mais três!', 'Isso das pernas a tremer é bom sinal!', '30 kg não é nada! Tens de puxar mais!' Que me venha com estas tretas mais uma vez, que eu digo-lhe!" É que o homem não brinca em serviço. Em vez de "tenho de preparar um treino", costuma dizer "tenho de preparar uma coça"!

Especialmente para o meu PT pessoal: Peço desde já perdão por todos os nomes que te vou chamar nos dias depois dos treinos, sim?! Eu gosto muito de ti, és um fofo, mas vai ser incontrolável! Estás, desde já, avisadinho!


Beijinhos

A Menina dos Óculos

Monday, 15 March 2010

chegueeeiiii!

Cheguei! O fim-semana foi óptimo, como seria de esperar! E adorei a surpresa, claro está. O destino foi: São Pedro do Sul, que é uma terra super simpática, em que as pessoas são do mais generoso e acolhedor que já vi!

Nós ficámos hospedados num hotel no centro da zona termal de São Pedro do Sul pelo que, ambiente mais sossegadinho do que o que vivemos era impossível! Curiosamente,à excepção de turistas, não se vê muitas pessoas jovens na rua. A maior parte das pessoas vai lá para visitar e desfrutar dos benefícios das águas termais. É giríssimo, porque nessa zona (as Termas de São Pedro do Sul) se vê, inclusivamente, o fumo do enxofre a sair das tampas de esgoto e em tudo quanto é chafariz ou fonte acontece o mesmo. O cheiro não é do mais agradável que já cheirei, mas a imagem é inesquecível.

Lá visitámos o centro de São Pedro do Sul, São Macário, a aldeia da Pena (que é a povoação pequeninha que se vê na foto acima), Oliveira de Frades e Vouzela. As pessoas no geral são diferentes, porque vivem uma tranquilidade que não é compatível com o meu estilo de vida do dia-a-dia.

Um dos episódios mais engraçados foi quando visitámos a aldeia da Pena. Lá fomos a todas as lojinhas de artesanato e numa, o meu namorado perguntou ao senhor que nos atendeu: "Quantas pessoas vivem aqui?". A resposta foi algo do género: "Bem, meu menino, efectivos, somos 8!" Ficámos os dois atónitos com a resposta, pois desconhecíamos o conceito de "habitantes efectivos".

Como devem calcular, não gastei um cêntimo em roupa, acessórios ou coisinhas dessas que fazem bem à vistinha e muito mal à nossa carteira, porque por aqueles lados não encontrei muitas lojas de roupa abertas ao fim-de-semana.

Quanto à crónica que saiu hoje no 24 Horas, foi escrita no sossego de São Pedro do Sul. Espero que tenham lido!:P A próxima sai na próxima 4ª.

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

Beijinhos

   

Saturday, 13 March 2010

surprise, here i come.........

Bem, passei pelo blogue só para me despedir dos/as meus/minhas bubbly buddies. Na segunda-feira já devo conseguir actualizar o blogue!

Entretanto, tenho de ir fazer a minha mala (confirmem só no fundo do post que horas são neste momento e passem-se com a minha maluquice) que, como de costume, só faço em cima da hora. Desta vez é mais difícil, porque literalmente não sei para onde vou, nem o que vestir.

Porém, pelo que consegui espremer do meu namoradinho, não vale a pena levar high-heel shoes; posso ficar-me por uns flats e por roupa menos posh e mais casual. Não sei, não, mas calculo que me espere um destino deste género, algures no interior de Portugal. A ver vamos...


kiss and enjoy a totally bubbly weekend!

A Menina dos Óculos

P.S.: A próxima crónica do 24 Horas já sai na próxima segunda-feira!:D

Friday, 12 March 2010

lucky charms


Ainda não tinha aqui falado de bijuteria, à excepção de pérolas e da Tiffany & Co. Deixo assim umas dicas, para quem gosta de pulseiras e não pode ir a Madrid ou Paris de cada vez que quiser uma lucky charms bracelet da Tiffany & Co.

A pulseira com a pedra azul é mais difícil de encontrar, porque trouxe de Madrid, em Janeiro, do Bairro Chueca, onde se faz, habitualmente, feiras de artesanato. Comprei-a para oferecer à minha mãe e ela adorou. Eu uso-a várias vezes, porque adoro o efeito dela no meu pulsinho ultra-fino. A pedra azul é verdadeira (já não me lembro do nome) e o material de que é feita é cobre, como dá para ver pela fotografia. Para quem for a Madrid nos próximos tempos, fica a dica. Se não forem, com certeza encontrarão pulseiras do género algures em alguma feira de artesanato por terras de Portugal.

A outra pulseira, essa sim, é uma lucky charms bracelet, mas não é da Tiffany, apesar de ostentar a famosa chave e o coração com brilhantes. É de uma marca que adoro em bolsas e que é super acessível, a Lollipops. A bijuteria da marca também não é cara e a colecção Primavera/Verão conta com pequenos tesourinhos como esta pulseira. Eu, pessoalmente, gosto de misturar pulseiras, do mesmo género, geralmente. Não costumo misturar daquelas pulseiras de forma fixa, duras, com pulseiras de corrente, como estas. Tirando isso, misturo muito: cores, tamanhos e feitios.

Fica a sugestão! Tenho de ir, que hoje o meu dia não se afigura lá muito fácil.

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

Thursday, 11 March 2010

turns out, i'm a vip... (part 2)

No seguimento da parte 1, deixo-vos a parte dois da crónica que identifica e esmiuça os "Grupos-De-Espécimes-Que-Não-Vão-Às-Compras-Com-A-Menina-Dos-Óculos".

Grupo Número 2: "Grupo-De-Pessoas-Que-Se-Acham-Intelectualmente-Superiores-A-Todos-Os-Seres-À-Face-Da-Terra"

Ai este grupinho é tão especial, o que eu (e tantos de nós) me rio à conta dele! Geralmente, é constituído essencialmente por elementos do sexo masculino, por isso irei debruçar-me mais nas características específicas dos membros machos do grupo.

Basicamente, este grupo é um aglomerado de totós, que acha que por usar uniforme constantemente todos os dias sem excepção - e por uniforme entenda-se: camisa com dobras na manga da Tommy, calça da Dockers, e sapatinho de vela castanho da Rockfort - se veste melhor que os restantes 90% de homens existentes no Universo. Em relação a isso, tenho a dar-lhes uma triste e decepcionante notícia: "Queridos, 90% dos betos também se veste assim", ou seja, isso é do mais comunzinho que se vê por aí (se atendermos às estatísticas - as que eu realizei, sem qualquer fundamentação científica - 35% dos homens são betos, isto se não contarmos com os adolescentes betos, porque aí o número aumenta miraculosamente). Pessoalmente, não tenho nada contra este estilo, até gosto, quando não cai no absurdo ou no exagero e a pessoa deixa de conseguir calçar umas sapatilhas, e vestir algo mais casual, sem se sentir como um peixe fora de água.

Uma das características mais patéticas neste grupinho, é que revela a tendência irreversível de olhar para todos os que OUSAM não vestir uniforme diarimente, com olhos de: "Ai meu Deus! Coitadinho! Não tinha o que vestir no armário, só pode ser isso! T-shirt?! Então o desgraçado não sabe que só se deve usar pólo e, de preferência, da Ralph Lauren?!" - Não me interpretem mal, eu gosto bastante da Ralph Lauren e adoro ver homens vestidos com pólos de várias cores, mas o que me enerva nestes tontinhos é mesmo a intolerância em relação aos outros e às suas diferenças. São tão limitadinhos das ideias, que não percebem que o X ou o Y podem, simplesmente, não querer usar pólo todos os dias, o que não implica que tenham problemas de dinheiro ou que sejam uns ignorantezinhos. Para vocês, fica a explicação, que até é bem simples: há pessoas que são versáteis (como eu, dentro dos estilos adaptados às mulheres)!! 

Todavia, se achavam que isto era mau, nãaaaooo! O pior ainda está por vir. Os membros deste grupinho tão fofo acham que fazem parte de uma elite intelectual que percebe imenso domina tudo quanto é assunto de política, economia e ciência. Auto-denominam-se homens racionais e objectivos e olham de cima para quem acha que o que dizem tem tanta relevância para a economia mundial como o facto da Ruth Marlene se ter despido para a Playboy. Para ser curta e grossa, quando os oiço falar, não aprendo nada de novo. Remeto-me ao silêncio (que no caso deles, seria priceless), enquanto os oiço tagarelar com seriedade, ar de extrema gravidade e pose snob acerca de assuntos que exibem contornos de "copy-paste de posts de fóruns diversos". Não admira, portanto, que se tornem aborrecidos e monótonos como companhia. Entretanto, se alguém na mesa se atrever a tentar iniciar (já a medo, com as gotas de suor a escorrer pela testa, tal é o receio da reacção dos pseudo-intelectuais) uma conversa de café, tipicamente mais descontraída, parece que o mundo vai desabar, porque o que importa são as "cotações da bolsa" ou o "preço do petróleo" e a pessoa (constate-se, a única normal, no meio de tanta alarvidade-com-pernas) passa a ostentar os títulos de "burra" e "limitadinha". Haja paciência para isto!

Eu não tenho! E eles não têm paciência para mim, pelos vistos! É provável que a minha espontaneidade e bubbliness "faça uma espécie de comichão" a este grupinho, mas como já disse antes, uma das variáveis que determina o nível de importância e de valor que me é atribuído é, precisamente, a percentagem de pessoas que não me grama nem um bocadinho. Quando juntamos a essa variável, a minha atitude confiante, de convicção nos princípios que defendo e que me permite aceitar e expressar todos os aspectos da minha personalidade, sem temer a não aceitação por parte dos outros, aí sim, encontro ainda mais motivos para eles não gostarem de mim! E falando directamente para pessoas às quais possa, eventualmente, servir a carapuça: "Deixem lá, eu até vos tolero, apesar da vossa mesquinhice e mania da superioridade. Chama-se a isso: tolerância - confirmem, por favor, o significado no dicionário".

E para mim, o facto de certas pessoas não me gramarem deixa-me tão constrangida e espicaçada, que até vou dançar ao som de Dance, JKay.


...TO BE CONTINUED...

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

e os meus alunos hoje também festejam...


Não podem ter direito a Dom Pérignon, mas têm direito a assistir aos DVDs do Magic English, de que tanto gostam, durante a aula de Inglês!

A Menina dos Óculos


e já saiu a primeira...

'Bora lá abrir uma garrafa de Dom Pérignon! Não consigo disfarçar a carinha de felicidade incontida! Já compraram o vosso 24 Horas hoje?! É que estou à espera que o sexo masculino comente, aqui, a pergunta que deixei no final da crónica. E claro, estou expectante para saber a opinião das mulheres, quer concordem ou discordem da minha opinião.

Beijinhos grandes,

A Menina dos Óculos 

secret weekend out...



O meu boyfriend anda cheio de secretismos com o tio dele, ultimamente. Porquê?! Organizaram os dois uma viagem para mim e para o meu namorado, sabe-se lá para onde (algures em Portugal, pelos vistos no Norte). Conclusão: neste momento, eu sou a única que não sabe onde vai passar o fim-de-semana, nem o que pôr nas malas (se roupa quente ou assim-assim), porque eles decidiram que me iam fazer uma suuuurpreeeesaaaa!

O meu namorado fechou-se em copas e eu só vou estar com o tio dele no Sábado (dia em que partimos), quando passarmos lá antes de irmos os dois rumo ao nosso destino secreto. Até lá, fico-me pela curiosidade, que me anda a roer por dentro. Verdade seja dita, que eu (e as mulheres, no geral) adoro surpresas, mas ando doida para descobrir onde vamos. Pelas pistas que me deu, é um sítio calmo e inspirador.

Bem, lá no fundo ando encantada com a surpresa. Digam lá que o meu PT preferido não é um amoooor?!:P (o homem decidiu ser perfeito, que hei-de fazer?! Não me posso queixar.)

Fica a dica para os restantes homens que me leiam e queiram fazer uma surpresinha à namorada! Nós, mulheres, adoramos viagens românticas e, se forem surpresa, tanto melhor, mesmo que a ansiedade nos dias anteriores nos deixe doidas e eufóricas!

Deixo-vos uma música dos Beatles, que ouvia muito na minha infância, por influência do mano mais velho (bendito irmão que me influenciou tão bem musicalmente). É a famosa: "Do you want to know a secret?" - o título, por si só, pareceu-me apropriado ao momento.:D

Beijinhos,

A Menina dos Óculos

P.S. Hoje (5ª feira, dia 11) é o grande dia!:P Não se esqueçam de comprar o 24 Horas!